Home > Saúde > Carteira Internacional de Vacinação poderá ser obtida por meio digital

Carteira Internacional de Vacinação poderá ser obtida por meio digital

Documento, exigido para entrar em pelo menos 100 países, será enviado num prazo de até cinco dias para que o viajante possa imprimi-lo

O Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia poderá ser obtido por meio digital. O documento, indispensável para se ingressar em pelo menos 100 países, pode ser solicitado depois de a pessoa ser vacinada num posto do Sistema Único de Saúde (SUS) ou numa clínica credenciada. Uma vez imunizada, a pessoa interessada pode se cadastrar e enviar uma solicitação para o site Portal de Serviços. Aprovado o pedido pela Anvisa, o cartão é enviado num prazo de até cinco dias para que o viajante possa imprimi-lo.

A mudança é fruto de uma parceria entre a Anvisa e a Secretaria de Governo Digital do Ministério da Economia. De acordo com a Anvisa, uma das comprovações mais solicitadas é de imunização contra a febre amarela. Países como a Austrália e Tailândia somente permitem a entrada com o documento.

— Será extremamente útil, vai facilitar muito a vida do viajante — afirmou o diretor-presidente da Anvisa, William Dib.

Antes da ferramenta digital, o cidadão precisava comparecer a uma unidade credenciada, o que poderia exigir grandes deslocamentos. O Brasil é o primeiro país a oferecer um serviço online, que é gratuito.

O secretário geral de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Paulo Webel, afirmou que esse é o primeiro de uma série de serviços públicos que poderá ser feito de forma digital, o que pode trazer mais efetividade.