Home > Câmara de Vereadores de Constantina > VEREADOR NEOCADIO DESTACA HOMENAGEM AO SICREDI E ALIENAÇÃO DE BENS

VEREADOR NEOCADIO DESTACA HOMENAGEM AO SICREDI E ALIENAÇÃO DE BENS

Na sessão de homenagem o vereador Neocadio Di Domenico relatou o início do cooperativismo e citou o Padre suíço Theodor Amstad, que fundou em 28 de dezembro de 1902 a cooperativa Sicredi Pioneira, na cidade de Nova Petrópolis. Na época, a cooperativa foi criada porque os agricultores e comerciantes daquele município não contavam com nenhum tipo de apoio e créditos por parte do governo. Percebendo essa necessidade o Padre Theodor, decidiu então implantar o modelo de cooperativismo de crédito, as famosas caixas de credito, que daí em diante passaram a se expandir para outros municípios da região e anos mais tarde também para outros estados.

Hoje o Sicredi está presente em 21 Estados e conta com mais de 3 milhões e 700 mil associados. Foi o primeiro banco cooperativo Brasileiro com programas especiais de financiamento. Na atualidade a Sicredi é representada com mais de 1.580 agências e também foi o primeiro banco cooperativo da América Latina.

O vereador Neocadio parabenizou a todos que colaboraram para o crescimento do Sicredi em especial as pessoas que ajudaram no desenvolvimento da agência de Constantina que hoje completa 25 anos de atividades.

Neocadio se manifestou sobre importante reunião que ocorreu na Câmara de Vereadores no dia 25 de abril, na oportunidade estiveram presentes o prefeito municipal, vice-prefeito, vereadores, representantes de partidos, entidades do município, delegados do orçamento participativo e integrantes da comunidade para discutir sobre a alienação de bens do poder público.

O vereador relata que essa alienação é necessária para resolver problemas relacionados aos antigos parcelamentos dos fundos dos servidores do município, onde no atual momento o município encontra-se com R$ 1.500.000,00 de fundos atrasados a pagar. O problema é que o município já contribui com um valor aproximado de R$ 800,000,00 ao ano para os fundos dos servidores, mais os parcelamentos atrasados que são de R$ 80.000,00 ao mês este com juros bem expressivos.

“Portanto, aí a necessidade de se alienar três áreas de terra, duas localizadas na comunidade da linha Barra Curta Alta, e um terreno próximo ao Fórum aqui do município. Com esses valores o município pretende liquidar esses fundos atrasados, assim melhorando a situação com os servidores do município. Nos próximos dias ainda ocorrerão outros debates em relação ao assunto para assim depois serem encaminhados projetos para aprovação na câmara de vereadores”, comentou o vereador Neocadio.