Home > Clientes > UTI – Matemática: Curso premiado no SIIC 2017

UTI – Matemática: Curso premiado no SIIC 2017

A 23 ª edição do Seminário Institucional de Iniciação Científica da URI (SIIC) foi realizada no Câmpus de Erechim no dia 18 de outubro, reunindo mais de 800 acadêmicos e professores da Universidade.

 

No mesmo dia também foram realizados o XXI Seminário de Integração de Pesquisa e Pós-Graduação e o XV Seminário de Extensão, que serviram de espaço para a socialização do conhecimento e integração de pesquisa e extensão.

 

Durante o evento foram entregues as premiações dos destaques de Iniciação Científica e Extensão e o Câmpus de Frederico Westphalen garantiu quatro deles.

 

Saiba mais sobre um dos projetos premiados:


Nome do projeto:
 Metodologia de Caráter Analítico para Resolução de Problemas Formulados na Forma Integral
Nome do orientador(a): Dr. Carmo Henrique Kamphorst
Nome do(a) bolsista: Tatiane Fontana Ribeiro, egressa do curso de Matemática

Para o(a) bolsista:

– Porque você se interessou em participar deste projeto?

Sempre fui apaixonada por Matemática. Ao ingressar no curso, na URI-FW, percebi que havia feito a escolha certa, no lugar certo. Das áreas de atuação em matemática, desde o ingresso tive interesse em seguir na Matemática Aplicada, logo me interessei em participar de um projeto pertencente a essa linha de pesquisa. A cada aula mais interrogações e o desejo de ampliar o aprendizado sobre o assunto, fez-me perceber que participar de um projeto de iniciação científica era o primeiro passo para incrementar minha formação acadêmica.

– O que significou está experiência na sua formação acadêmica?

Ser bolsista de iniciação científica é mais do que agregar pontos ao currículo para quem almeja seguir uma carreira na academia. É descobrir algo novo todos os dias e querer sempre mais. É estudar algo que vai além da sala de aula. É construir conhecimento científico e obter experiência acadêmica diferenciada que possibilita vislumbrar novos horizontes.

– Ser premiado no SIIC, no Prêmio Destaque é:

Participar de um projeto de pesquisa durante a graduação, foi uma das melhores experiências que já vivenciei. E ser premiada em um dos maiores eventos da URI, recebendo o prêmio destaque do melhor trabalho da área, é algo que possibilitou certificar-me ainda mais de que estou no caminho certo. É sentir que você fez a diferença e obteve reconhecimento acadêmico.
Gostaria de agradecer, imensamente, ao meu querido orientador, por suas preciosas e indispensáveis orientações, à URI, pela rica infraestrutura e à FAPERGS, pelo financiamento da bolsa de iniciação científica.
Para o orientador(a):

– Qual a importância de trabalhar a pesquisa?

Através da pesquisa é possível mobilizar novos saberes que poderão auxiliar na busca de respostas ou soluções para problemas específicos e, estas inovações, propiciam ainda, fomentar e qualificar o ensino, bem como, desencadear a proposição de atividades de extensão. Logo, a atividade de pesquisa está diretamente relacionada com a qualidade do processo de formação do discente.
Além disso, a pesquisa abre a possibilidade da oferta de bolsas de iniciação científica aos acadêmicos do curso, proporcionando-os a possibilidade de desenvolvimento de seu espírito investigativo, a ampliação de seus conhecimentos e o enriquecimento de seus currículos.
– Qual o significado de ver seu trabalho reconhecido pelo Prêmio Destaque?

Embora os conhecimentos matemáticos atualmente estudados, no ensino superior, já estarem consolidados cientificamente, há décadas ou até mesmo séculos, todos surgiram da necessidade de resolver algum problema da sociedade em algum momento histórico. Logo, com este prêmio, se reafirma a possibilidade de novas investigações e inovações na área da matemática, com vistas no desenvolvimento de novos conhecimentos, bem como, na sua aplicabilidade em novos contextos.
– Qual a importância deste prêmio para o Curso de Matemática?

Primeiramente, perpassa o comprometimento do colegiado do curso para com a qualificação da pesquisa, do ensino e da extensão no campo da matemática, aspectos estes que, a nosso ver, estão diretamente relacionados com a qualidade de formação e do perfil do graduado formado pelo curso.
Além disso, certamente também contribuirá para a motivação do colegiado e do corpo discente do curso para o desenvolvimento de mais atividades de iniciação científica.