Home > Educação > Fleming Medicina inaugura sede própria em Passo Fundo

Fleming Medicina inaugura sede própria em Passo Fundo

O Fleming Medicina apresentou no último dia 30, a mais nova sede em Passo Fundo. Localizada na Rua Júlio de Castilhos, 64, atrás do Colégio Protásio Alves, o prédio foi construído especialmente para o curso e conta com uma estrutura interna moderna e funcional, preparada especialmente para receber os vestibulandos. A área construída é de, aproximadamente, 1.500m², incluindo oito salas de aula climatizadas, sala de estudo, sala de serviços gerais, cantina, área administrativa, saguão com sala de convivência e quatro centrais de sanitários. Um ambiente confortável e seguro. Um presente à comunidade regional.
O diretor do Fleming Medicina, Jorge Ignacio Szewkies, enfatiza que a presença em Passo Fundo deve-se à cidade ser um importante polo de educação e de assistência à saúde, abrangendo um grande número de municípios gaúchos e catarinenses.  “Quando chegamos, o fizemos pelo reconhecimento à excelência da UPF e, em particular de seu curso de medicina, que forma ótimos profissionais há décadas”, ressalta. Szewkies lembra que o Fleming foi a primeira instituição a trazer seus alunos de outras cidades ao vestibular de medicina da UPF e por isso, recebeu, por parte de muitos pais e educadores, a solicitação de se instalarem na cidade, com o nível de qualidade e exigência dos processos seletivos das universidades mais disputadas. “Logo trouxemos à região a preparação mais completa para a disputa de uma vaga em medicina, com aulas em tempo integral e acompanhamento psicopedagógico.

Hoje nos orgulhamos do desempenho de nossos alunos que cursam medicina nas faculdades públicas e privadas no Rio Grande do Sul e em outros estados. No ano passado, uma aluna desta unidade obteve o melhor escore do Enem em todo o Estado e, consequentemente, o primeiro lugar em medicina na UFCSPA – Fundação de POA. As melhores posições na medicina da UPF já são uma tradição entre os “flemers”, como carinhosamente chamamos nossos estudantes”, diz. Hoje, segundo ele, a construção e inauguração de uma sede própria, após nove anos já atuando no município, se devem ao compromisso de estar na cidade para ficar e continuar preparando estudantes para a concorrida vaga em Medicina. Além disso, há uma preocupação grande da instituição em oferecer uma estrutura adequada que atenda a todas as atuais exigências de segurança e conforto.
O presidente da Câmara de Vereadores, Patric Cavalcanti, agradeceu o investimento da instituição de ensino em Passo Fundo em que em um momento de recessão tiveram coragem de investir e inauguram esta sede. “Passo Fundo é destaque nas áreas da saúde e educação e o Legislativo apoia todo o investimento que vem para ficar. Agradeço em nome do Poder Público”, destaca.
A inauguração contou com a cerimônia, descerramento da placa, coquetel e tour pela unidade. Estavam presentes autoridades, professores do curso, convidados especiais e imprensa.

A nova sede

O projeto arquitetônico é da NR Arquitetos – Nino Roberto S. Machado e Maria Aldina Nobre, com a colaboração dos Arquitetos André Reichert, Bruna de Medeiros Nunes, Mariele Araldi e Felipe Büller Bertuzzi. A execução da obra foi de responsabilidade da Segmento Construções.   De acordo com o arquiteto Nino Machado, a nova Sede do Fleming está num edifício aberto, praticamente sem paredes fixas, versátil, com instalações elétricas e hidráulico sanitárias adequadas e acessíveis para manutenção e modificações, usando tecnologias avançadas e amigáveis. “A sede do Fleming é um orgulho para nós, seus autores, tanto por sua concepção como por sua realização. É um dos primeiros edifícios em altura totalmente construído com estrutura e paredes externas pré-moldadas. A equipe toda da NR Arquitetos e de seus parceiros fornecedores de materiais e serviços tem orgulho desta obra e agradecemos a equipe diretiva do Fleming pela confiança depositada e pela oportunidade de realizarmos este trabalho”, destaca.

O Futuro

Já são nove anos de atuação do Fleming Medicina em Passo Fundo, e somente no ano de 2016 foram mais de 230 aprovações. Para o futuro, o diretor Jorge Szewkies afirma que os planos são o de continuar mostrando aos jovens que todos os sonhos são alcançáveis e, para isso, a instituição continuará trazendo professores que estão mais acostumados ao ensino para as provas de maior concorrência, com um incremento cada vez maior na preparação às provas do Enem, que decidem as vagas em duas das três faculdades locais (UFFS e IMED) além da ênfase ao tradicional vestibular da UPF.

FOTOS: Cassiane Portella